Confira as últimas informações sobre o empréstimo do auxílio brasil
O empréstimo do auxílio Brasil é um crédito consignado concedido aos beneficiários do programa assistencial.Podendo ser solicitado pelo aplicativo “Caixa Tem”, da caixa econômica, benefício é uma alternativa aos cidadãos que se encontram com dificuldades financeiras. 
 

Para solicitar o crédito, o cidadão deve, antes de tudo, ser um beneficiário do auxílio brasil. Podendo se enquadrar em dois grupos: Empréstimo para Pessoa Física e Empréstimo para Pessoa Jurídica (MEI).
No primeiro grupo, o crédito é concedido a pessoas físicas, logo, beneficiários. Negativados também podem solicitar o crédito, desde que suas dividas não ultrapassem R$ 3.000.  
Já nas Pessoas Jurídicas (MEI), o crédito é concedido a empresa do beneficiário, logo, não poderá ser usado para fins pessoais. Empresas com dívidas acima de R$ 3.000 não podem solicitar o empréstimo consignado do auxílio brasil.

Como o empréstimo consignado é destinado aos abonados pelo auxílio brasil, o beneficiário que deseja solicitar o crédito deve possuir cadastro no CadÚnico.
O pré-cadastro no CadÚnico pode ser feito através do site ou do aplicativo,  porém a inscrição será efetuada nas unidades do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social).
O chefe familiar deve levar até o CRAS documentos como: Título de Eleitor; CPF ou o RANI, além de documentos de cada membro da família.
Apesar de disponibilizado aos beneficiários do auxílio brasil, o empréstimo consignado ainda não está disponível em alguns bancos do país, sendo eles: Nubank, BMG, Itaú Unibanco, Santander, Banco Inter, entre outros. 
Os bancos Pan, Safra e a Caixa Econômica Federal estão entre os que oferecem o crédito consignado. Já o banco do Brasil ainda não se pronunciou. 

 
É o fato ou acontecimento de interesse jornalístico. Pode ser uma informação nova ou recente. Também diz respeito a uma novidade de uma situação já conhecida.
Texto predominantemente opinativo. Expressa a visão do autor, mas não necessariamente a opinião do jornal. Pode ser escrito por jornalistas ou especialistas de áreas diversas.
Reportagem que traz à tona fatos ou episódios desconhecidos, com forte teor de denúncia. Exige técnicas e recursos específicos.
É a interpretação da notícia, levando em consideração informações que vão além dos fatos narrados. Faz uso de dados, traz desdobramentos e projeções de cenário, assim como contextos passados.
Texto analítico que traduz a posição oficial do veículo em relação aos fatos abordados.
É a matéria institucional, que aborda assunto de interesse da empresa que patrocina a reportagem.
Conteúdo que faz a verificação da veracidade e da autencidade de uma informação ou fato divulgado.
É a matéria que traz subsídios, dados históricos e informações relevantes para ajudar a entender um fato ou notícia.
Reportagem de fôlego, que aborda, de forma aprofundada, vários aspectos e desdobramentos de um determinado assunto. Traz dados, estatísticas, contexto histórico, além de histórias de personagens que são afetados ou têm relação direta com o tema abordado.
Abordagem sobre determinado assunto, em que o tema é apresentado em formato de perguntas e respostas. Outra forma de publicar a entrevista é por meio de tópicos, com a resposta do entrevistado reproduzida entre aspas.
Texto com análise detalhada e de caráter opinativo a respeito de produtos, serviços e produções artísticas, nas mais diversas áreas, como literatura, música, cinema e artes visuais.
Jornal @ 2022 – Uma empresa do grupo JCPM
PARA SOLICITAÇÃO DE LICENCIAMENTO, CONTACTAR [email protected]

source